Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2020

A Cartilha do ABC

Há alguns dias li uma notícia, num site sobre empreendedorismo, que uma empreendedora havia alcançado sucesso em seu negócio com uma inovação: ela estava produzindo sapatos ao gosto do Cliente, isto é: customizados ou personalizados ou, ainda, taylor made – sob medida. - Como é que é?! Inovação!? Mas quando!? Sou do tempo que sapatos, roupas, chapéus, joias e outros acessórios e adornos eram confeccionados sob medida e encomenda dos Clientes, então, para mim, esta empreendedora não está inovando: está fazendo o que é bastante comum no mundo da moda: voltando ao passado; fazendo uma releitura de um processo de produção. Não vou me aprofundar neste “revival” calçadista, porque a leitura da noticia me inspirou a fazer minha própria “inovação”: uma Cartilha do ABC para ensinar empreendedores e varejistas o “bê-a-bá” da Gestão de Estoques, Vendas Clientes, Cobrança, Capital de Giro e o fundamental Fluxo de Caixa. A Cartilha do ABC é uma ferramenta gerencial que serve para isso e

O Navegador de ObZ

“Agir, eis a verdadeira inteligência.” [Fernando Pessoa] Capital. Sem sombra de dúvidas este é o principal motivo para não empreender. Segundo recente pesquisa do Endeavor/IBOPE, que mapeou o Empreendedorismo no Brasil em 2.013, a grande maioria (66,0%) dos que não empreendem, não o fazem por falta de recursos. Na cronologia que abre minha narrativa, fica fácil entender que nem sempre viajei com céu de brigadeiro. Pelo contrário, engrossei o caudal de empreendedores que com recursos escassos, insistem, persistem e não desistem de transformar seus sonhos em realidade. Todos os anos de experiência em Planejamento Orçamentário de grandes e médias corporações me ensinaram que só os neuróticos sobrevivem. Mas isso não é uma tarefa fácil. Não é fácil resistir ao consumismo; ao supérfluo; ao desperdício. Esta é uma tarefa que requer um longo processo de mudança comportamental que tem como princípio uma mudança de atitude. Para quem sempre deixou o troco como “ca

Controle o Caixa!

“ Controle o Caixa : seja sustentável”. Muitos empresários acreditam que o lucro é o indicador mais importante da saúde do negócio. Mas nem sempre funciona assim.  - Uma empresa quebra não é por falta de lucro, é por falta de caixa. Todos os anos de experiência em Planejamento Orçamentário de grandes e médias corporações me ensinaram que só os neuróticos sobrevivem. Mas isso não é uma tarefa fácil. Não é fácil resistir ao consumismo; ao supérfluo; ao desperdício. Esta é uma tarefa que requer um longo processo de mudança comportamental que tem como princípio uma mudança de atitude. Para quem sempre deixou o troco como “caixinha”, é extremamente difícil exigir o troco em Loja de R$. 1,99. Brigar pelos centavos; para que não os convertam em balas, dá a exata noção do custo das coisas. Este é um longo aprendizado que faz com que os neuróticos mudem por completo suas curvas de decisão para a aquisição de bens e serviços. Este aprendizado pode e deve ser copiado no