Pular para o conteúdo principal

FALAVarejista!PodCast.Sem11 - "Os Sete Pecados Capitais no Atendimento ao Cliente - INSENSIBILIDADE"

FALA VAREJISTA!


Promover Experiências Sensoriais é a mais efetiva estratégia de Atração e Fidelização de Clientes... Dito isto, fica fácil entender a importância de eliminarmos o Pecado da INSENSIBILIDADE do ponto de vendas... Tudo, absolutamente tudo no ponto de vendas físico, móvel ou virtual, afeta os nossos Cinco Sentidos... Por isso trataremos o Pecado da Insensibilidade pelo viés sensorial.

Visão, Audição, Tato, Olfato e Paladar: você consegue pensar em alguma coisa no ponto de vendas que não afete um desses cinco sentidos??! Só com muita "insensibilidade" para negar este fato; e negar este fato pode mudar a forma como os seus clientes interagem com a sua loja... Mudar negativamente!

86,0% das Decisões  de Compras ocorrem no Ponto de Vendas; eis porque o Marketing Sensorial é tão importante; eis porque a experiência do Cliente é tão valorizada...

Poderíamos valar por horas sobre Marketing Sensorial e os efeitos negativos do Pecado da Insensibilidade nos resultados de uma loja, mas vamos resumir em cinco pontos, considerando os nossos cinco sentidos:

Ponto 1. Em Visual Merchandising dizemos que "Exposição cria Vendas"; isso porque 83,0% da percepção humana ocorre pelo sentido da VISÃO... Agora imaginem uma loja desorganizada, visualmente poluída, desagradável e confusa, fazendo com que o Cliente não consiga interagir para satisfazer suas necessidades e gerando perda de tempo... O resultado é perda de Clientes e Vendas...

Ponto 2. Consideremos como os odores e aromas interferem em nossa vida. Já pensou em como é marcante aquele cheirinho de café passado na hora? Agora imaginem estar em uma loja no momento que sente este cheirinho... Qual é a sua reação??! Para um amante de café como eu, a reação imediata seria correr em direção ao cheiro para degustar um cafezinho. Percebem a importância do OLFATO para uma marca??? Para o Cliente a experiência é super agradável.

Ponto 3. Sem sombra de dúvidas, o sistema de Auto Serviço deve o seu sucesso ao sentido do TATO... É uma grande diferencial quando o Cliente pode tocar, examinar, sentir, vestir o produto... No Varejo Alimentar, na área de produtos perecíveis, o tato desempenha um importante papel na definição da curva de decisão de compras dos produtos.

Ponto 4. Da mesma forma, a Degustação é uma importante estratégia para conquistar novos Clientes e convencê-los dos diferenciais da sua Marca. O Sabor, o PALADAR, é um argumento imbatível e o grande conquistador de Clientes... Certamente todos já escutaram as expressões "conquistando pelo estômago" ou o "peixe morre pela boca".

Ponto 5. Para finalizar, poderíamos dizer: "escute suas memórias"; este poderia ser o slogan para o sentido da AUDIÇÃO. As melodias são grandes aliadas do Marketing em comerciais e jingles que grudam como chiclete na cabeça dos consumidores. Sem muito esforço você pode, rapidamente, lembrar do seu produto predileto quando escuta o jingle ou a melodia de um comercial. 

Após o destaque dos Cinco Sentidos, um aviso: desconsidere as experiências sensoriais na sua loja, ou pior, permita que experiências negativas aconteçam; ofereça aos seus Clientes uma loja desorganizada, suja, barulhenta e você irá direto parta o inferno da falência, sem passar pelo purgatório da recuperação judicial. O melhor mesmo é pagar as penitências pelo Pecado da INSENSIBILIDADE e promover o Marketing Sensorial na sua loja.

Na próxima transmissão falaremos sobre o Pecado da IGNORÂNCIA... Muito Obrigado e até lá... Nos vemos nas nuvens!!!


Escute o PodCast AQUI: 

Comentários

Os Mais Lidos Da Semana!

Motivação x Entusiasmo

"Nada de grandioso chegou, algum dia, a ser alcançado sem entusiasmo.” [Ralph Waldo Emerson] Mais um Work Shop, mais uma Palestra e a velha questão vem à tona: motivação. O que percebo, é que a grande maioria das pessoas está olhando, diariamente, para os céus à espera de instruções para seguir em frente. Há um verdadeiro eclipse do pensamento. As pessoas simplesmente desistiram de pensar e desta forma se sentem inteiramente perdidas, limitadas a garantir suas subsistências. Por outro lado, sempre que ouço uma solicitação de algum trabalho voltado à motivação do pessoal, fico com as orelhas em pé: quais as verdadeiras razões para a demanda? Há um real desejo de desenvolvimento das pessoas pelas pessoas ou trata-se apenas de uma demanda por mais produtividade? Mas esta é outra história. Inicialmente, vamos entender a diferença entre ‘motivação’ e entusiasmo (automotivação). Conforme sempre falo, a diferença entre motivação e entusiasmo fica explicitada em u

Arista - Até o Fim do Mundo

"Arista - Até o Fim do Mundo" é um Romance-Ficção Científica-Aventura; é, também, uma inquietante tentativa de responder as perguntas sobre as origens do que escrevo: as lembranças que afloram em minha mente e eu não sei precisar se são, realmente, lembranças ou sonhos ou delírios.  "Se os "nomes" ou "fatos", descritos, te fizerem lembrar de um lugar, uma pessoa, uma situação; se você experimentar uma sensação de déjà vu... Tenha certeza: você pode não ser a pessoa que pensa que é... Então, não perca tempo: deixe tudo que estiver fazendo e venha para Colina, Comuna de Sinnamary, Guiana Francesa, para iniciar a busca da sua verdadeira história... Procure-me no Hotel Concorde, Apto 201... Acredito ser Carlos Eduardo Romero" 100,0% dos Royalties deste Produto será destinado às Ações Sociais do i2: instituto integrum que atua na Formação e Qualificação de Operadores e Empreendedores Varejistas e na Promoção da Acessibilidade no Varejo de Produtos e

Rally M+is - Transamazônica

"Falar é fácil, quero ver fazer!" Partindo de Cabedelo (PB) Quantas vezes você já ouviu esta frase, todas as vezes que você teve uma ideia inovadora; todas as vezes que você pensou em fazer algo, realmente, inovador, diferente? Quantas vezes diante, da descrença das pessoas, você vacilou e desistiu? Nós não desistimos! Amadurecemos nossa ideia até o ponto de ser colhida, até o ponto ideal para ser colocada em prática, até a hora de Agir! Nossa ideia pode até parecer uma completa loucura, uma insensatez, mas foi pensada e planejada nos seus mínimos detalhes: detalhes Bons e Ruins, Ações e Reações, Atitudes e Consequências, Forças e Fraquezas, Oportunidades e Ameaças, o Que, Onde, Porque, Quem, Como, Quando, Quanto... Planejamento concluído e exaustivamente testado e aprovado chegou a hora da Ação! Sem esquecer que a vida do Empreendedor é (ou, necessariamente, deveria ser) um eterno looping de PDCA: Planejar, Desenvolver, Controlar, Ajustar, Planejar...