Pular para o conteúdo principal

Eu Quero Ser EU!


Como Facilitador e Palestrante procuro/espero, sempre, pela "pergunta perfeita": aquela que faz com que tudo faça sentido; que faz com que eu possa discorrer claramente sobre o tema do Evento, alcançando a eficácia total na transferência de conhecimento. Isto para nós é o objetivo fundamental de qualquer treinamento, mas estas perguntas são fatos raros, tão raros quanto as competências que favorecem/possibilitam a ocorrência das mesmas.

Em nossos eventos de qualificação buscamos a excelência através do desenvolvimento do trinômio (Atitude + Habilidades Interpessoais + Habilidades Técnicas); deixamos de lado o termo "Motivar" e focamos no "Despertar". Por isso quando despertamos algum participante para uma "pergunta perfeita", alcançamos o Olimpo.

Na última ocorrência a pergunta perfeita veio em forma de constatação mais que perfeita. No meio de uma acalorada discussão sobre compromisso versus comprometimento, alguém disparou:

- Bem que me avisaram. Porque nos seus treinamentos, sempre, acontece essa confusão?

Fez-se um silêncio sepulcral e todos ficaram estáticos, atentos à minha resposta. Não precisei de "amortecedor": fui direto ao ponto citando Dali, o Salvador...

- "É preciso provocar, sistematicamente, confusão. Isso promove a criatividade. Tudo aquilo que é contraditório gera vida"... Por isso que em nossos treinamentos é exatamente isso que fazemos: despertamos a criatividade das pessoas para que elas possam construir uma nova realidade no seu trabalho e na sua vida.

Fui ovacionado por alguns segundos, minutos talvez: eu estava parado no tempo. Recobrei a consciência com o pessoal de apoio avisando que o Coffee Break estava Ok! Não havia mais nada a fazer naquele momento: fui encher o bucho pois a minha autorrealização estava satisfeita, eu havia alcançado a Plenitude do meu Prpósito.

Esta semana a pergunta veio em forma de e-mail, recebido de um Cliente, com uma Matéria  com o Título de "As 10 competências mais raras entre profissionais brasileiros". Um texto falando sobre as competências mais raras e procuradas pelas Empresas no processo de seleção de seus colaboradores. Nem preciso dizer que o "Pensamento Crítico" e a "Criatividade" estavam no topo do ranking, mas direi e reforçarei minhas palavras com a opinião de quem tem como missão a "Seleção da Espécie". O texto refere-se a um estudo feito pela Consultoria de Educação Corporativa AfferoLab e traz dados mais aprofundados sobre os fatores que travam as contratações. De forma geral, a conclusão é que as habilidades mais importantes sob o ponto de vista dos empregadores também são as mais difíceis de achar. 

Vejam o Ranking, segundo o estudo, que ouviu empresas de diversos setores entre abril e maio de 2016:

Competência / Índice de Escassez (0-5)

Resolução de problemas complexos 4,03
Pensamento crítico 3,63
Atitude empreendedora 3,56
Criatividade 3,56
Habilidade para trabalhar com diferentes culturas 3,52
Habilidade para comunicação oral e escrita 3,48
Raciocínio lógico 3,39
Facilidade para se relacionar 3,34
Facilidade de aprender 3,28
Habilidades matemáticas e numéricas 3,08

“Pensamento Crítico” e “Atitude Empreendedora”, ficaram em 2º e 3º lugar entre as habilidades mais raras, talvez, em função das suas íntimas ligações com a atual situação econômica do pais e do mercado de trabalho.

Em momento de Crise é de suma importância a presença de pessoas com perfil analítico e capacidade de questionar verdades "absolutas" nas Equipes, para aumentar a eficiência dos processos. Pessoas empreendedoras ou autônomas, que conseguem andar com as próprias pernas e se viram bem com poucos recursos, também são muito necessárias e procuradas.

“Criatividade” apareceu empatada em 3º lugar com “atitude empreendedora”. Segundo o estudo da Affero Lab, o resultado pode refletir a dificuldade de assumir riscos num momento de crise econômica no Brasil. Afinal, num ambiente em que tudo está mudando, não é fácil adotar uma postura ousada e assumir os riscos de uma ideia inteiramente nova. Paradoxalmente, o apetite por inovação é maior do que nunca em boa parte das empresas. A principal conclusão do estudo para o profissional brasileiro é a necessidade de não se tornar um “sedentário” na carreira.

“As empresas estão cada vez mais exigentes na hora de contratar e exigem habilidades que poucas pessoas têm. Por isso, mais do que nunca, é importante investir em qualificação e nunca se acomodar”. O esforço compensa: em meio ao “apagão” de talentos, os poucos profissionais realmente bem preparados serão disputados a tapa pelos empregadores — com ou sem crise.

Para finalizar, quero revelar e renovar o meu desejo de Ano Novo; quero fazer minha profissão de crença no ser humano. No Ano Novo "Eu quero ser Eu": quero continuar, sistematicamente, provocando confusão e despertando pessoas...

- Sigam-me os que forem confuseiros!


Vital Sousa
VTL Marketing & Vendas

Comentários

Os Mais Lidos Da Semana!

A Cartilha do ABC

Há alguns dias li uma notícia, num site sobre empreendedorismo, que uma empreendedora havia alcançado sucesso em seu negócio com uma inovação: ela estava produzindo sapatos ao gosto do Cliente, isto é: customizados ou personalizados ou, ainda, taylor made – sob medida.
- Como é que é?! Inovação!? Mas quando!?
Sou do tempo que sapatos, roupas, chapéus, joias e outros acessórios e adornos eram confeccionados sob medida e encomenda dos Clientes, então, para mim, esta empreendedora não está inovando: está fazendo o que é bastante comum no mundo da moda: voltando ao passado; fazendo uma releitura de um processo de produção. Não vou me aprofundar neste “revival” calçadista, porque a leitura da noticia me inspirou a fazer minha própria “inovação”: uma Cartilha do ABC para ensinar empreendedores e varejistas o “bê-a-bá” da Gestão de Estoques, Vendas Clientes, Cobrança, Capital de Giro e o fundamental Fluxo de Caixa. A Cartilha do ABC é uma ferramenta gerencial que serve para isso e muito mais.
C…

10 Perguntas Demolidoras

Ter uma Excelente ideia não basta. É preciso saber vender o seu peixe, a qualquer momento que seja preciso. Todo Empreendedor tem a obrigação de conhecer o seu Negócio nos mínimos detalhes. Isso é importante para Vender a ideia e para a gestão do negócio. Todo Empreendedor tem a obrigação de responder, e responder certo, estas 10 perguntas sobreo seu Negócio.
A Young Entrepreneur Council fez uma lista com 10 questões que todos os investidores querem saber do dono de um negócio.
Encarar um grupo de investidores é uma tarefa que exige muita preparação do empreendedor. Se ele quiser conquistar aquele aporte ou investimento para sua startup ou empresa, terá de responder com segurança a todas as dúvidas de seus inquisidores.
Não são perguntas fáceis. Qualquer deslize na explicação do negócio ou desconhecimento de algum detalhe da operação pode custar o tão sonhado capital. Para ajudar os empresários nesse momento de tensão, os diretores do Young Entrepreneur Council, uma associação mundial de…

FALAVarejista!PodCast.Sem15 - "Os Sete Pecados Capitais no Atendimento ao Cliente - DESRESPEITO"

FALA VAREJISTA!
O Pecado do DESRESPEITO é o tiro de misericórdia no Processo de Atendimento: se uma loja não respeita o Cliente, já está morta e não sabe...
Este é um Pecado tão "cabeludo" que preferimos não falar dele e irmos direto para a penitência; para a Solução... - Respeite o Cliente! - Tudo começa com o Respeito! - Respeito é bom e eu gosto! - Respeite para ser Respeitado!
Frases bem populares no nosso dia-a-dia, mas a realidade não corresponde à expectativa... Por isso vamos reforçar a famosa Política de Atendimento da Stew Leonard's, tão importante que foi talhada na pedra para não ser esquecida...
Regra 1. O cliente tem sempre razão; Regra 2. Quando o Cliente nao tiver razão, aplique a Regra 1.
Sempre que repito estas regras, escuto inúmeras controvérsias... Uns não entendem, outros não aceitam, outros discordam em parte, etc, etc, etc... Então para darmos continuidade ao trabalho darei a minha tradução para esta Política:
- Quando se tem a firmeza de dizer que "o C…