Pular para o conteúdo principal

Lucro é o grande barato!


- Porque você insiste em vender só o que é barato?

- É o que o povo quer – preço baixo. Ninguém tá podendo não. O povo não tem dinheiro. Nem emprego tem. E o que é barato gira logo, vende muito.

- Mas você só tem cliente com poder aquisitivo baixo na tua loja?

- É o que eu vejo por aqui.

- Mas e o dono do posto de gasolina da esquina? O dono da padaria? O do bar? A dona da loja de presentes? Acho que até você faz compras em outros lugares...

- É verdade. Tem coisas lá pra casa que tenho que comprar fora...

- Isso se chama sortimento – você tem que procurar saber o que teus clientes e possíveis clientes precisam e querem. Ver o que você poderia oferecer aqui, pra que eles não precisem ir a outro canto.

- E eu sou adivinho agora?

- Não. Tem que fazer pesquisa. Perguntar a eles. Trazer essa gente pra perto e dizer que está aqui pra servi-los, envolve-los num projeto de expansão de ajuste de sortimento, dizer que essa é a loja de vizinhança “deles” e que comprar aqui será uma boa experiência.

- Eles até procuram por umas coisas caras, que eu não vendo aqui. São tudo metido a rico.

- Se eles procuram é porque querem comprar. E se você tiver sempre esses itens com preço competitivo, eles vão comprar aqui. Você tá é perdendo oportunidades e não tá se dando conta disso.

- Mas eu não posso compra uma caixa de whisky 12 anos e outras coisas caras e ficar aqui esperando eles virem aqui comprar. Assim eu quebro.

- Claro que não. Tem que chamar aqui os fornecedores e fazer um acordo de reposição ajustada, comodato e outras parcerias que te permitam aumentar o mix de acordo com o sortimento do público alvo. Depois tem que divulgar – abrir alguns canais de comunicação pra que eles saibam e se lembrem de que você tem o que eles querem. Claro que você não se pode deixar de vender o que já vende, pra não perder os clientes que já tem. Mas tem que buscar mais clientes, aumentar o ticket de venda, diluir os custos e aumentar a rentabilidade, o lucro.

- Taí uma coisa que tenho saudade – lucro.

- Se continuar assim, não vai ver lucro tão cedo. Eu li que em 2015 a Apple vendeu 18,3% dos smartphones do mercado mundial e embolsou 92% de todo o lucro desse segmento. Isso mostra que tem muita gente comprando iPhone e pagando o preço que acredita que ele vale. Gente assim, tá por toda sua vizinhança. Abra o olho. Arregaça as mangas e vai à luta.

- O que você quer dizer com isso?

- Quero te dizer que tem público próximo de você que tem que ser atraído pra tua loja com produtos que eles compram por aí e que tem produtos que deixam boas margens. Se você conseguir juntar a fome com a vontade de comer, vai ter um bom resultado. Pense nisso, monte um plano, chame seus fornecedores e veja se consegue viabilizar esse projeto.

- Tô entendendo. Acho que estou muito acomodado mesmo. Preciso ser mais proativo. Diz aí por onde começamos?

- Começamos?

- É meu Consultor! Deu o mote...


Mauro Ramos
Consultor Organizacional

Os Mais Lidos Da Semana!

Motivação x Entusiasmo

"Nada de grandioso chegou, algum dia, a ser alcançado sem entusiasmo.” [Ralph Waldo Emerson] Mais um Work Shop, mais uma Palestra e a velha questão vem à tona: motivação. O que percebo, é que a grande maioria das pessoas está olhando, diariamente, para os céus à espera de instruções para seguir em frente. Há um verdadeiro eclipse do pensamento. As pessoas simplesmente desistiram de pensar e desta forma se sentem inteiramente perdidas, limitadas a garantir suas subsistências. Por outro lado, sempre que ouço uma solicitação de algum trabalho voltado à motivação do pessoal, fico com as orelhas em pé: quais as verdadeiras razões para a demanda? Há um real desejo de desenvolvimento das pessoas pelas pessoas ou trata-se apenas de uma demanda por mais produtividade? Mas esta é outra história. Inicialmente, vamos entender a diferença entre ‘motivação’ e entusiasmo (automotivação). Conforme sempre falo, a diferença entre motivação e entusiasmo fica explicitada em u

Vendor PhD: a Solução para Tudo!!!

ATENÇÃO!!! Tudo que você precisa saber sobre o Processo de Vendas 3-D, está nas três linhas abaixo... Vá para o final do texto e Conheça COMO nós vamos RECONSTRUIR suas Habilidades Técnicas e Interpessoais (Soft + Hard Skills), sem blá-blá-blá, nem mi-mi-mi e muito menos embromation: teorias miraculosas e fórmulas secretas!!! A formulação do Processo de Vendas 3-D possibilita uma abordagem única, a cada interação Vendedor PhD <-> Cliente, Diariamente, Demonstrável e Diferente. Agora, vá para a marcação abaixo: =====> Mas, se preferir conhecer todos os detalhes do que veremos nos 4 (quatro) dias do "Programa VENDOR PhD" , aguce os sentidos e tenha uma excelente leitura!!! Segundo Kotler, Marketing é entender e atender os Clientes. Vamos ampliar este conceito para incluir um elemento essencial: a necessidade. Temos, então, que Marketing é entender e atender as necessidades dos Clientes. Mas isso, ainda, é insuficiente para delimitar a comp

TRABALHE CONOSCO: Consultor(a) Gestão de Pessoas

CONSULTOR(A) DE GESTÃO DE PESSOAS (LIBERAL / CNPJ / MEI) Para compor Equipe de Plataforma Omnicanal de Desenvolvimento Humano Organizacional , buscamos profissionais com Graduação em Psicologia e/ou Administração , com necessária Especialização em Gestão de Pessoas e/ou Psicologia Organizacional ; sólida Experiência em Operação de Varejo e/ou Desenvolvimento Humano Organizacional.  O Profissional será co-responsável pelo desenvolvimento e aplicação de Cursos, Palestras e Oficinas, além de atuar com Mentoria e Assessoria aos Clientes e Usuários dos Serviços de Treinamento, Desenvolvimento Humano e Recrutamento & Seleção .  Oferecemos Excelente Ambiente de Trabalho, Remuneração por Projetos (+Honorários +Comissões +Participação nos Lucros), além de possibilidade de Sociedade.  Perfil Empreendedor; Fã / Praticante de Rally; Espírito de Aventura e Disponibilidade para viagens de média (semanas / meses) duração no Norte / Nordeste são diferenciais que completam o Perfil dos Pro