Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2015

Liderança Situacional Sistêmica

Todos querem Comprometimento, todos querem Engajamento, todos querem colaboradores Motivados, todos querem Equipes de Alto Rendimento... Mas, quanto se preocupam, verdadeiramente, com as Condições de Trabalho, com o Clima Organizacional, com as Pessoas Certas nos Lugares Certos, com Pessoas que pensam em Pessoas? Acredito que os Resultados tenham a prioridade nesta lista de situações. Resultados como Objetivo e não como Consequência de um trabalho bem feito. Resultado pelo Resultado: simples assim.
Não sou contra os Resultados, nem os que o buscam determinadamente, afinal eu estou entre eles. O Lucro não é um "Pecado". Mas, lembrando um lugar comum, o único lugar em que o Resultado vem antes do Trabalho é no Dicionário.
Se você quer Comprometimento, Engajamento, Motivação e uma Equipe de Alto Rendimento, "fora da curva", aprenda a Liderar. Aprenda a conviver com a Liderança Situacional Sistêmica.

"Com talento, ganhamos partidas. Com "trabalho de equipe"…

Visual Merchandising 3-D

Allelluiah, Allelluiah, Allelluiah, Alle-llu-iaaaaaah!!!
O Júbilo é explicado pela identificação de uma verdadeira "anomalia". Anomalia do bem. No meio de tanta mesmice, de  "tanta babaquice, tanta caretice. Desta eterna falta do que falar", algo de novo no front.
Uma Vitrina (isso mesmo com A) tem por objetivo principal INFORMAR. Podemos dizer que a Vitrina é a "Windows" da alma do Ponto de Vendas. Mas o Pecado Capital da Desinformação, está tão disseminado no Varejo que é uma raridade encontrar algo que vale a pena comentar.

É como encontrar uma pepita de ouro: uma Vitrina que atenda efetivamente os seus principais objetivos de Informar, Expor Produtos e Atrair Consumidores... Atendendo, é claro, os requisitos do Código de Defesa do Consumidor!!!
Na imagem encartada, vemos o Conceito AIDA* aplicado de forma Simples, Direta e Efetiva.
* Chamar a A-tenção, Despertar o I-nteresse, Criando um D-esejo e
Provocando A-ção (Compra)
Para complementar a informação sob…

O Cliente Exposto

Dez entre dez Consultores preferem, como técnica de avaliação, O Cliente Oculto. Pelas facilidades de levantamento de dados sobre o Ponto de Vendas e seus Atendentes e Vendedores; pela proximidade com a realidade da qualidade do Atendimento e, principalmente, por expor de forma sistemática as reais necessidades de treinamento dos Atendentes e Vendedores, sem partir para a mensuração por amostragem ou suposição.
O Cliente Oculto (também chamado de Misterioso ou Secreto), é uma técnica de pesquisa observacional na qual o(s) pesquisador(es) se faz(em) passar pelo Consumidor e observa(m) todas as etapas do Atendimento num local ou serviço. É normalmente utilizada para avaliar processos de Atendimento e Vendas ou a Satisfação dos Clientes e para avaliar o nível de retenção de um treinamento realizado ou, ainda, identificar necessidades de treinamentos. Este é o nosso caso.
Recentemente fizemos uma Pesquisa mais ampla, envolvendo 100 Pontos de Vendas de 20 Segmentos do Varejo, para fundamenta…

Bala Perdida!!!

Passados vinte anos dede o lançamento do Plano Real e da estabilização da Economia, confesso que assisto aos Telejornais e vejo o recrudescimento da inflação com profunda preocupação.
Para quem não lembra ou não viveu este Evento, trago uma avaliação do Economista Joelmir Beting que sintetiza as razões para a implantação deste importante programa de reformas econômica:
Aqui jaz a moeda que acumulou, de julho de 1965 a junho de 1994, uma inflação de 1,1 quatrilhão por cento. Sim, inflação de 16 dígitos, em três décadas. Ou precisamente, um IGP-DI de 1.142.332.741.811.850%. Dá para decorar? Perdemos a noção disso porque realizamos quatro reformas monetárias no período e em cada uma delas deletamos três dígitos da moeda nacional. Um descarte de 12 dígitos no período. Caso único no mundo, desde a hiperinflação alemã dos anos 1920”.
Olhando esses números, fico imaginando o que deve estar pensando os milhões de novos gestores e empreendedores que ainda estavam nos cueiros quando a inflação ca…

Bodega High Tech

Aproveitando a realização do Big Show 2015 da NRF, vamos reeditar algumas Notas para mostrar que a lei de Lavoisier continua valendo, também para o Varejo: "Nesse mundo nada se cria, tudo se transforma." Num mundo onde as decisões estão cada vez mais embasadas na informação, a tecnologia se apresenta como um grande rio de inovações, mas no fundo, estamos sendo realmente inovadores?   

Longe se vai os dias de inauguração (1.916) da primeira loja de Auto-Serviço no mundo: a Piggly Wiggly. Mais "recentemente" (1.930) os dias do primeiro Supermercado: o King Kullen. Depois vieram os Hard Discount (Aldi), os Category Killers (Toys ‘U’ Us, Leroy Merlin), os Hipermercados (Carrefour), e finalmente os Warehouse Clubs (Sams Club, Costco).
Paralelo a esta evolução no formato do varejo, vivenciamos a Evolução do Marketing 1.0: mercado centrado no Produto, onde prevalecia a máxima de Ford: “Um carro pode ter qualquer cor, desde que seja preto.” - passando pelo Marketing 2.0: vol…

Liderança em Vendas

Qualificação é o componente essencial para garantir o preenchimento de uma vaga de emprego. Desta forma, fornecer, apenas, o serviço de Recrutamento & Seleção não seria suficiente. Oferecer o Programa de Qualificação "Liderança em Vendas" completa nossa proposta de Apoio à Comunidade Varejista em parceria com a ACIACA - Associação Comercial, Industrial e Agropastoril de Carpina.

Com um conteúdo programático voltado à formação de Vendedores Lojistas e Externos, o Programa "Liderança em Vendas" pretende formar profissionais com competências para atuar tanto no Varejo quanto na Indústria e Agentes de Distribuição (Distribuidoras).

Enxergar o Ponto de Vendas como um Processo Sistêmico de Atendimento é o ponto de partida para a elaboração deste Programa de Qualificação. Todos os Participantes estarão qualificados para exercer as funções essenciais no Atendimento ao Cliente e no Atendimento ao Ponto de Vendas.

Além da Qualificação, os participantes estarão participando …