Pular para o conteúdo principal

Associativismo no Varejo


“A união faz a força”. Essa máxima do Associativismo / Cooperativismo deu origem a uma discussão no Twitter sobre esta atividade no Varejo Alimentar - segmento onde proliferam Redes de Cooperação Empresarial, Cooperativas e Associações. Nos últimos anos, temos atuado nessa área em várias iniciativas. Contando com a experiência de Vendas e Atendimento a essas Redes, somamos mais de duas décadas de vivência com esses Players.

Resumir o trabalho dessas duas décadas em alguns tweets, assim como oferecer uma receita definitiva para esta atividade seria impossível, mas registrei o que considero a matriz para o desenvolvimento de qualquer discussão sobre o tema. A ideia foi levantar alguns pontos estratégicos, tanto na constituição quanto na gestão das Associações, para fomentar reflexão sobre o tema e ampliar, com esses insights, um processo estruturado, um ponto de partida em brainstorms, para facilitar e objetivar futuras discussões sobre o tema.

Manteremos o formato dos tweets para mapear o nosso passo-a-passo e possibilitar o desenvolvimento de discussões sobre cada um deles, aprofundando a análise conjuntural de cada iniciativa, adequando-os aos seus respectivos ambientes.

A UNIÃO FAZ A FORÇA. A máxima do Associativismo, em alguns casos, bem q poderia ser reescrita facilmente para: A UNIÃO se FAZ À FORÇA.

À FORÇA, no caso, seria de MUITA MOBILIZAÇÃO. Embora haja demanda, na maioria dos casos falta LIDERANÇA e a iniciativa MORRE NA PRAIA!!!

LIDERANÇA no caso seria alguém/alguma instituição que representasse anseios dos futuros 'associados' de forma TRANSPARENTE e ISENTA.

TRANSPARÊNCIA cria-se com Estrutura Organizacional Participativa, onde a OPINIÃO DE TODOS é ouvida e as DECISÕES da maioria LEGÍTIMAS.

ISENÇÃO cria-se com INSTRUMENTOS de CONSTITUIÇÃO claros construídos, em assembléia, com a participação de todos. Um ESTATUTO é a Base.

Um ESTATUTO q defina CLARAMENTE as RELAÇÕES ENTRE OS ASSOCIADOS e d ASSOCIAÇÃO com o Mercado, bem como REGIMENTO INTERNO se COMPLETAM.

A DIREÇÃO precisa estar nas mãos dos ASSOCIADOS: DIRETORIA, CONSELHO DE ÉTICA, CONSELHO FISCAL. A GESTÃO deve estar com a COMPETÊNCIA.

COMPETÊNCIA se faz com FORMAÇÃO e EXPERIÊNCIA. Se necessário o INVESTIMENTO (recursos próprios) em um GESTOR não deve ser DESCARTADO.

FOCO, FOCO em RESULTADOS. Desde a constituição todos devem estar voltados a responder a seguinte pergunta: O QUE EU GANHO COM ISSO???

TRANSPARÊNCIA + ISENÇÃO + COMPETÊNCIA + GESTÃO + FOCO EM RESULTADOS = MEIO CAMINHO ANDADO no Desenvolvimento Sustentável d'Associação.

Um ponto que considero de extrema importância para o desenvolvimento da discussão é o esclarecimento dos conceitos básicos de Escala e Associativismo. Se tivermos Escala podemos negociar direto com produtores e ganhar em preço e qualidade. Mas se somos pequenos precisamos nos associar. Colocando o Associativismo como modelo estratégico de negócio, temos que pensar de forma sistêmica: aqui a escala tem que ser alcançada em extensão e profundidade dentro da cadeia de suprimento. O Associativismo voltado, apenas, para o "Marketing" - modelo da maioria das chamadas Centrais de Compras - não é estratégico nem sustentável.

 Embora venha se apresentando como solução para a sobrevivência do pequeno / médio varejo - principalmente alimentar: palco dos maiores varejistas do mundo - os resultados podem ser considerados pequenos, se tomarmos o tamanho do mercado, e os avanços tecnológicos (processos) são pífios. Mas essa é outra grande discussão!


Vital Sousa
integrum Consultoria

Os Mais Lidos Da Semana!

O Líder Situacional Sistêmico

Todos querem Comprometimento , todos querem Engajamento , todos querem colaboradores Motivados , todos querem Equipes de Alto Rendimento ... Mas, quantos se preocupam, verdadeiramente, com as Condições de Trabalho, com o Clima Organizacional, com as Pessoas Certas nos Lugares Certos, com Pessoas que pensam em Pessoas?  Acredito que os Resultados tenham a prioridade nesta lista de situações. Resultados como Objetivo e não como Consequência de um trabalho bem feito. Resultados pelos Resultados: simples assim. Não sou contra os Resultados, nem contra os que os buscam determinadamente, afinal eu estou entre eles. O Lucro não é um "Pecado". Mas, lembrando de um lugar comum, o único lugar em que o Resultado vem antes do Trabalho é no Dicionário. Se você quer Comprometimento, Engajamento, Motivação e uma Equipe de Alto Rendimento , "fora da curva", aprenda a Liderar. Aprenda a conviver com a Liderança Situacional Sistêmica . " Com talento, ganhamos partidas. Com &

10 Perguntas Demolidoras

Ter uma Excelente ideia não basta. É preciso saber vender o seu peixe, a qualquer momento que seja preciso. Todo Empreendedor tem a obrigação de conhecer o seu Negócio nos mínimos detalhes. Isso é importante para Vender a ideia e para a gestão do negócio. Todo Empreendedor tem a obrigação de responder, e responder certo, estas 10 perguntas sobreo seu Negócio. A Young Entrepreneur Council fez uma lista com 10 questões que todos os investidores querem saber do dono de um negócio. Encarar um grupo de investidores é uma tarefa que exige muita preparação do empreendedor. Se ele quiser conquistar aquele aporte ou investimento para sua startup ou empresa, terá de responder com segurança a todas as dúvidas de seus inquisidores. Não são perguntas fáceis. Qualquer deslize na explicação do negócio ou desconhecimento de algum detalhe da operação pode custar o tão sonhado capital. Para ajudar os empresários nesse momento de tensão, os diretores do Young Entrepreneur Council, uma as

BLITZ TQV - Qualidade Total no Varejo

Pesquisas de Satisfação são ótimos indicadores da qualidade de Produtos e Serviços. Melhor do que isto são os Guias de Críticos e Consultores que avaliam criteriosamente o Ponto de Vendas e Prestador de Serviços. Baseados nestas premissas, criamos a BLITZ TQV - Qualidade Total no Varejo , para divulgar Melhores Práticas no Varejo de Vizinhança - a famosa "Loja de Bairro" - de todos os segmentos, e garantir que Qualidade e Melhor Preço não sejam Propaganda Enganosa. A BLITZ TQV está focada em Pontos de Vendas que mereçam a nossa atenção como Referência em seu segmento de mercado, pela Excelência no Atendimento ao Cliente , que possam ser considerados como provedores de Excelentes Experiências de Compras , consideradas pela ótica dos seguintes parâmetros: Qualidade dos Produtos / Serviços, Conforto, Excelência no Atendimento ao Cliente, Conveniência (Proximidade) e Melhores Preços. Nossa avaliação será "in loco", com a utilização da