Pular para o conteúdo principal

Vossa Excelência O Atendimento



Concluindo Ciclo de Palestras e Work Shops sobre Atendimento e Vendas, sempre me vem à mente uma série  de Notas que postei no Facebook sobre estes temas, considerando a proximidade da Copa de 2.014, mas, principalmente, a vocação natural para o Turismo em Capitais do Nordeste onde atuamos e algumas Cidades do interior, onde empreendedores mais "antenados" com as possibilidades e oportunidades da Copa, começam a se movimentarem em direção à qualificação de seus Empreendimentos. É uma grande satisfação estarmos contribuindo com este processo.

Vamos às Notas:


Recife, Natal e Fortaleza se preparam para serem Sedes da Copa do Mundo de 2.014. Analisando a qualidade do Atendimento no seguimento de Alimentos e Bebidas (Bares Restaurantes, Pizzarias, etc), recomendo aos turistas, que visitarem estas Cidades neste período, que tragam Marmitas!!!

Isto se não quiserem ser coadjuvantes de situações Lamentáveis, protagonizadas por Atendentes e Garçons. O despreparo destes profissionais para oferecer um Atendimento, pelo menos adequado, é Gritante!!! Lamentavelmente alimenta-se uma cultura de que o mau atendimento é uma característica aceitável, para se aproveitar os atrativos naturais de cada Cidade.



Outro segmento que se destaca  é o de Hotelaria. Além da quantidade e variedade de tipos de equipamentos, destaca-se, também, pelo péssimo Atendimento. Tanto na Hotelaria como em Alimentos e Bebidas, há uma enorme discrepância entre os Estabelecimentos de Alto Luxo e os demais. No Alto Luxo, é oferecido um atendimento compatível, dando a falsa impressão de que o Consumidor deve pagar para receber um Bom Atendimento.

Mais uma vez a cultura de que Bom Atendimento é um serviço adicional, e não uma obrigação intrínseca de todos os Estabelecimentos Prestadores de Serviços e Comerciais. Desta forma o consumidor precisa pagar mais por isso.


Essencialmente "Prestador de Serviços" o Comércio também abriga um enorme contingente de profissionais despreparados para atender o Novo Consumidor: exigente e informado e nem vamos falar em diversidade para não piorar a situação.

Lamentavelmente o que se vê na maioria dos casos, nos segmentos de Eletro-Eletrônicos, Tecidos, Calçados, Confecções, Brinquedos, Bazar e Utilidades, com raras exceções, é a antiga fórmula do Vendedor Migué: para vender qualquer “embromation” serve.

Vendedores estão preocupados, unicamente, em “declamar preços”: o consumidor que se dane.  








Finalmente o que dizer sobre Atendimento no segmento que denomina-se como auto-serviço alimentar. Em muitos casos esta expressão deveria ser substituída por auto-flagelamento, tal é o nível de Atendimento ao Consumidor.

Entrar em um Mercadinho, Supermercado ou até mesmo num Hipermercado, tem sido uma das piores Experiências de Compras que o Consumidor vem tendo. Neste segmento, vem acontecendo algo semelhante com os segmentos de Hospedagem, Alimentos e Bebidas: Bom Atendimento Custa Caro!!!


No meio deste mar de péssimo atendimento, uma minúscula ilha de possibilidades: Restaurante LA TERRAZZA, do Internacional Othon Palace na Avenida Beira Mar em Fortaleza (CE). Infelizmente ratifica a opinião de que Bom Atendimento, necessariamente, está ligado aos Equipamentos de Alto Luxo.

Mas a ideia do Restaurante para fidelizar seus Clientes é bastante simples, embora tenha sido uma Excelente Sacada de publicidade, e poderia ser realizada em qualquer estabelecimento de qualquer Cidade!!!




Vital Sousa
integrum Consultoria

Os Mais Lidos Da Semana!

Motivação x Entusiasmo

"Nada de grandioso chegou, algum dia, a ser alcançado sem entusiasmo.” [Ralph Waldo Emerson] Mais um Work Shop, mais uma Palestra e a velha questão vem à tona: motivação. O que percebo, é que a grande maioria das pessoas está olhando, diariamente, para os céus à espera de instruções para seguir em frente. Há um verdadeiro eclipse do pensamento. As pessoas simplesmente desistiram de pensar e desta forma se sentem inteiramente perdidas, limitadas a garantir suas subsistências. Por outro lado, sempre que ouço uma solicitação de algum trabalho voltado à motivação do pessoal, fico com as orelhas em pé: quais as verdadeiras razões para a demanda? Há um real desejo de desenvolvimento das pessoas pelas pessoas ou trata-se apenas de uma demanda por mais produtividade? Mas esta é outra história. Inicialmente, vamos entender a diferença entre ‘motivação’ e entusiasmo (automotivação). Conforme sempre falo, a diferença entre motivação e entusiasmo fica explicitada em u

Arista - Até o Fim do Mundo

"Arista - Até o Fim do Mundo" é um Romance-Ficção Científica-Aventura; é, também, uma inquietante tentativa de responder as perguntas sobre as origens do que escrevo: as lembranças que afloram em minha mente e eu não sei precisar se são, realmente, lembranças ou sonhos ou delírios.  "Se os "nomes" ou "fatos", descritos, te fizerem lembrar de um lugar, uma pessoa, uma situação; se você experimentar uma sensação de déjà vu... Tenha certeza: você pode não ser a pessoa que pensa que é... Então, não perca tempo: deixe tudo que estiver fazendo e venha para Colina, Comuna de Sinnamary, Guiana Francesa, para iniciar a busca da sua verdadeira história... Procure-me no Hotel Concorde, Apto 201... Acredito ser Carlos Eduardo Romero" 100,0% dos Royalties deste Produto será destinado às Ações Sociais do i2: instituto integrum que atua na Formação e Qualificação de Operadores e Empreendedores Varejistas e na Promoção da Acessibilidade no Varejo de Produtos e

Rally M+is - Transamazônica

"Falar é fácil, quero ver fazer!" Partindo de Cabedelo (PB) Quantas vezes você já ouviu esta frase, todas as vezes que você teve uma ideia inovadora; todas as vezes que você pensou em fazer algo, realmente, inovador, diferente? Quantas vezes diante, da descrença das pessoas, você vacilou e desistiu? Nós não desistimos! Amadurecemos nossa ideia até o ponto de ser colhida, até o ponto ideal para ser colocada em prática, até a hora de Agir! Nossa ideia pode até parecer uma completa loucura, uma insensatez, mas foi pensada e planejada nos seus mínimos detalhes: detalhes Bons e Ruins, Ações e Reações, Atitudes e Consequências, Forças e Fraquezas, Oportunidades e Ameaças, o Que, Onde, Porque, Quem, Como, Quando, Quanto... Planejamento concluído e exaustivamente testado e aprovado chegou a hora da Ação! Sem esquecer que a vida do Empreendedor é (ou, necessariamente, deveria ser) um eterno looping de PDCA: Planejar, Desenvolver, Controlar, Ajustar, Planejar...